yes, therapy helps!
As 10 habilidades básicas de comunicação

As 10 habilidades básicas de comunicação

Fevereiro 3, 2023

O habilidades de comunicação O que temos determina o sucesso de nossas relações interpessoais e, portanto, é necessário comunicar-se bem no trabalho, com nossos amigos, nossa família e, em geral, com todas as pessoas ao nosso redor. Conhecer e dominar as habilidades básicas de comunicação traz muitos benefícios, como ajudar a resolver diferenças ou promover confiança e respeito mútuo.

Por exemplo, é essencial ter boa capacidade de comunicação quando nos deparamos com uma entrevista de emprego ou se vivemos como um casal, já que a coexistência é uma negociação constante. Embora a comunicação pareça simples, muito do que comunicamos é mal entendido ou não é bem compreendido. Claro, isso pode causar conflitos em nossos relacionamentos profissionais e pessoais.


Habilidades de comunicação e sua relação com o equilíbrio emocional

Aprender a comunicar de forma eficaz é uma habilidade que deve fazer parte do currículo escolar. Ser um comunicador competente pode fazer a diferença nas relações pessoais, no sucesso da sua carreira profissional e, além disso, na sua auto-estima e autoconfiança, pois faz parte das habilidades sociais básicas.

A relação entre equilíbrio emocional e habilidades de comunicação tem sido demonstrada em muitas pesquisas e, de fato, sua formação é uma técnica terapêutica utilizada nas consultas psicológicas, pois proporciona benefícios para o bem-estar do paciente.


As 10 habilidades básicas de comunicação

Se algo caracteriza as pessoas mais felizes é que elas têm habilidades de comunicação que as ajudam a enfrentar de maneira mais satisfatória as diferentes situações que surgem no seu dia a dia. Não desanime se você tiver dificuldade em se comunicar porque ninguém nasce especialista . A comunicação, como outras habilidades, pode ser aprendida e praticada.

Então continue a ler para descobrir quais são as habilidades básicas de comunicação.

1. escuta ativa

Saber ouvir é uma habilidade básica de comunicação, mas, embora pareça simples, nem todo mundo tem essa capacidade . Muitas vezes ouvimos apenas em vez de ouvir, e às vezes ouvimos a nós mesmos em vez de ouvir o outro com uma atitude correta. O escuta ativaComo o nome sugere, significa escutar ativamente, isto é, com total atenção. Em outras palavras, você tem que prestar atenção com os cinco sentidos. A escuta ativa refere-se a atender não apenas ao que a pessoa diz, mas também aos sentimentos, idéias ou pensamentos que o indivíduo expressa.


Se você quiser aprofundar este tópico, você pode dar uma olhada no nosso artigo: "Escuta ativa: a chave para se comunicar com os outros"

2. Empatia

Na comunicação eficaz, a empatia é importante para tomar o lugar do outro. De fato, a empatia é uma das habilidades sociais mais importantes, porque é necessário coexistir com os outros. Mesmo que você não concorde totalmente com um colega de trabalho, com um funcionário ou com um amigo, É necessário entender seu ponto de vista, porque você também tem suas necessidades . Além disso, colocar-se no lugar do outro ajuda-o a enviar uma mensagem mais clara e eficaz.

3. Validação emocional

Mas, além dos dois pontos anteriores, deve-se levar em conta a validação emocional, isto é, aceitação e feedback para se comunicar melhor. Porque quando temos outros antes de nós, é necessário ouvir sem julgar e é um requisito indispensável para comunicar com a outra pessoa que foi entendida.

Validação emocional melhora a comunicação já que o outro interlocutor se sente reconhecido e compreendido e, assim, aumenta a verbalização do que você pensa. A validação emocional tem um efeito positivo porque cria um ambiente de confiança. Dizer à outra pessoa que você a entendeu, mostrar a ele que você o ouviu e deixar claro que você respeita a opinião dele é o suficiente para criar um ambiente de comunicação propício.

4. Linguagem não verbal

Postura corporal, contato visual ou gestos, isto é, linguagem não verbal (ou comunicação não verbal) também se comunicam. Estar relaxado e transmitir o que estamos tentando dizer pode maximizar a mensagem que queremos enviar para outras pessoas. Um estudo realizado por Albert Mehrabian afirma que em uma conversa face a face, o componente verbal é 35% e mais de 65% é comunicação não-verbal . Nas palavras do próprio Mehrabian: "O componente verbal é usado para comunicar informação e o componente não-verbal para comunicar estados e atitudes pessoais".

5. Resolução de Conflitos e Negociação

Conflito é inevitável em qualquer relacionamento, e aprender a gerenciar e negociar é uma maneira saudável e essencial de fazer as relações funcionarem . Algumas pessoas preferem não enfrentar conflitos para evitar o desconforto que podem gerar. Isso só causa ressentimentos e mal-entendidos.

A capacidade de resolver conflitos de maneira eficiente requer um desempenho calmo, não defensivo e respeitoso. Quando você controla suas próprias emoções, pode comunicar suas próprias opiniões sem ameaçar ou atacar os outros.

6. Linguagem verbal

Um dos elementos básicos de um bom comunicador é como soa diante dos outros. Falar muito baixo ou muito alto, arrastar palavras ou usar muitos termos de preenchimento, como "ah", "eh" ou "um", pode fazer com que a mensagem e a conexão com o falante sejam perdidas.

Por tanto, é necessário ser claro, usar exemplos concretos, ter uma boa capacidade de improvisação, vocalizar corretamente, considerar os tempos e, finalmente, expressar corretamente o que temos em mente para nos conectarmos com nosso interlocutor.

7. Leitura e escrita

Ler e escrever são importantes para comunicar . A leitura permite o desenvolvimento intelectual e, como função cognitiva, permite o acesso a avanços tecnológicos, científicos e informacionais. Portanto, ajuda a entender melhor a realidade, e sendo leitores habituais, nos dá as ferramentas necessárias para dialogar criticamente.

Quanto à escrita, nem sempre temos que nos comunicar oralmente, mas é importante ter um bom domínio da comunicação escrita. Atualmente, novas tecnologias de informação e comunicação (TIC) invadiram nossas vidas. Escrever uma carta de apresentação para seduzir um recrutador, se queremos um emprego ou enviar um email para uma empresa para reclamar sobre o seu serviço requer essa habilidade.

8. Respeito

As pessoas estão mais abertas a se comunicar se demonstramos respeito para com elas e suas ideias . Ações simples, como usar seu nome ou tutoria, ter contato visual que indique sinceridade e refletir a escuta ativa, fazem com que a outra pessoa se sinta respeitada e levada em consideração. Numa relação de casal, por exemplo, um bom gesto ou sinal de afeto pode quase instantaneamente parar uma situação tensa e negativa e retornar a relação a um bom canal de comunicação positiva e afetiva.

9. Persuasão

A persuasão é uma ferramenta de comunicação fundamental, especialmente no mundo dos negócios, porque transforma idéias, crenças, atitudes e comportamentos e tenta satisfazer as necessidades de ambas as partes. Geralmente tem uma má reputação, porque, no caminho errado, pode ser confundido com manipulação (fazendo algo contra seus interesses). A persuasão é a base de qualquer negociação bem-sucedida .

10. Credibilidade

Se pensarmos no ponto anterior, É impossível persuadir uma audiência se não demonstrarmos credibilidade e autoridade . A credibilidade gera confiança e, com respeito, a confiança é um grande aliado da comunicação. As pessoas são mais receptivas quando há confiança. Portanto, é necessário que você seja coerente com o que diz e faz. Por exemplo, que há harmonia entre sua comunicação verbal e não verbal.


Habilidades sociais (Fevereiro 2023).


Artigos Relacionados